USO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS ENTRE UNIVERSITÁRIOS: IMPACTOS NA VIDA ACADÊMICA E DO FUTURO PROFISSIONAL

  • Monique Rangel do Nascimento de Moraes Universidade Federal do Espírito Santo
  • Rayane Cristina Faria de Souza
  • Flávia Batista Portugal
  • Marluce Mechelli de Siqueira

Resumo

O uso de substâncias psicoativas (SPAs) se mantém como uma das preocupações da sociedade, especialmente, entre a população universitária por ser um grupo vulnerável ao consumo de SPAs. Apesar do ensino universitário caracterizar-se pela aquisição de conhecimento, infelizmente, o tema saúde mental, álcool e outras SPAs não consta nas grades curriculares, resultando numa formação deficitária. Assim, conhecer o consumo de SPAs entre universitários, possibilita uma condução assertiva quanto à formulação de ações de promoção da saúde e programas de prevenção. Logo, buscou-se estudar a temática visando contribuir para mudanças na qualidade de vida no âmbito acadêmico e curricular destes jovens, futuros profissionais da saúde capixaba.

Publicado
2018-11-13
Como Citar
MORAES, Monique Rangel do Nascimento de et al. USO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS ENTRE UNIVERSITÁRIOS: IMPACTOS NA VIDA ACADÊMICA E DO FUTURO PROFISSIONAL. Anais da Jornada Científica e Cultural FAESA, [S.l.], p. 68 - 70, nov. 2018. Disponível em: <http://revista.faesa.br/revista/index.php/jornadaCientifica/article/view/375>. Acesso em: 15 set. 2019.